domingo, outubro 19, 2008

Entenda algumas das razões de Fábio Koff e ouça a discussão


Koff dá entrevista para ZH abrindo o voto para Duda Kroeff.
Martins e Odone estranham e criticam Fábio Koff.
Além das entrevistas radiofônicas, a campanha de Martins envia e-mail aos sócios gremistas com o teor acima.
As eleições passaram, mas continua a pergunta dos motivos de Fábio Koff ter entrado no rádio com tanta energia. O que você acha? O que você faria se tivesse sido atacado dessa forma? Entenda o motivo de Koff ter dito que Martins estava tentando "diminuí-lo".
Trata-se de grande baixaria com mentiras, omissões, apropriações indevidas e a tentativa de dizer que Koff não tem identificação com o torcedor, que se escondeu em momento importante etc. etc. Baixaria das grandes. Vergonhosa!
Origem do e-mail
Assunto:
[Via RS MAX: SPAM] SEGUNDONA NUNCA MAIS!
De: segundona_nunca_mais@terra.com.br
Enviada em: Sexta-feira, 17 de Outubro de 2008 16:58

Parte da discussão pode ser ouvida em
www.dudapresidente.com.br/__editor/filemanager/files/koff3.mp3

22 comentários:

Anônimo disse...

Sejam justos com seus leitores.

Tal panfleto só começou a circular após a circulação de panfleto igualmente infeliz vindo do lado da chapa 1. Abaixo o link:

"http://3.bp.blogspot.com/_9qWPZ6GnU_g/SPfIvRdAVMI/AAAAAAAABZc/mFCr0l916gA/s1600-h/BodyPart.jpg"

Guillermo disse...

Não seria hora de parar com essa briguinha???

Agora o Grêmio precisa de ambos lados, tanto o lado que hoje comanda o clube quanto o lado que saiu vitorioso da eleição no sábado.

Por favor parem com essa palhaçada. A torcida gremista agradece...

DÁ-LHE GRÊMIO!!!

Cezar Michel disse...

Comentário no site noviço:

18/10/2008 18:29:26
Cristiano Ferreira
Lamentável o resultado das eleições!!Tem gente que não sabe votar e é facilmente manipulada. Se fosse reconhecer o que a atual diretoria fez para o clube, a vitória seria esmagadora da chapa 2, apoiada por Paulo Odone. Nem vou comentar mais pra não dizer besteira.

Ué? De repente o sócío não sabe votar e se deixa manipular?
Essa defesa do pensamento único,de que a coisa só vale se for pro lado deles é que está causando a derrocada do Grêmio Novo. Se os votos fossem pra chapa 2, aí sim o sócio seria valorizado, no entendimento deles.
O associado escolheu o melhor pro clube e ponto final. Acabou a eleição.
Agora somos todos gremistas. Mas para eles, existem os que são mais gremistas que os outros.

O BLOG disse...

Prezado Guillermo:
Não há "briguinha" nem incitamento. Há uma busca de razões, motivos, explicações.
Essa busca deve ser uma lição para o futuro. PARA TODOS.
A união desejável, só será enquantrada quando acabar essa radicalização, essa mentirada, essa tentativa de diminuir as grandes figuras do clube.
Vê bem, deves, hoje, ter ficado chocado com o que leste.
Esse tipo de política tem de acabar.

Anônimo disse...

Procurei pelo endereço acima. Dá como blog/site inexistente.
Poderias dar uma indicação mais precisa?
Não vi nenhuma propaganda ofensiva por parte da chapa 01.
Só se relembrar o passado só com notícias de jornais é considerado ofensivo.
Quem sabe. Mas quero me convencer, pois sou contra baixarias de qualquer lado.

Anônimo disse...

entao tá, eu também não vi nada de ofensivo em relaçao a chapa 2.

Só lembrou de alguns jogadores contratados no período.

Me responde, Obino apoiava quem neste eleição?

Anônimo disse...

A diferença começa por aí.
Nem o apoio de Obino nem o apoio de Guerreiro contamina as respectivas chapas.
Elas não eram boas ou ruins porque tinham o apoio desse ou daquele.
A diferença. Obino nunca declarou apoio à chapa 01.
Guerreiro declarou, em entrevista à rádio Gaúcha o apoio à chapa 02.
Sobre Vicente, na gestão Guerreiro, foram lembrados fatos, só com jornais da época. Só fatos.
Nunca ninguém disse que Vicente carecia de condições morais. Apenas que tinha administrado mal o dinheiro originado da ISL.
Aliás, nos debates o próprio Vicente disse que o contrato era bom, mas tinha sido mal executado e que tinha sido apelado para o "cheque especial" porque tinham gasto mais do que podiam.

saulo ramos disse...

Os defensores e apoiadores da chapa 2 tem que se convencer que os associados dizeram NÃO para as proposta deles.
E ponto final.
Chega de ficar tentando achar desculpa para a derrota acachapante.
PERDERAM.
QUASE 3.000 SÓCIOS DIZERAM NÃO, NÃO QUEREMOS O VICENTE, NÃO QUEREMOS O ANTONINI, NÃO QUEREMOS O INDEPENDENTE E NEM O NOVO.
ACEITEM E VAMOS TORCER PELO SUCESSO DO DUDA E DO GRÊMIO.

Anônimo disse...

Nota-se um desejo de muitos para que não se discuta mais a eleição.
Etc. Etc.
Só que, no dia seguinte à eleição, o Grêmio Novo OFICIALMENTE se declarou de OPOSIÇÃO.
É muita politicagem. É por isso que tem de combater essa gente que é erva daninha para o Grêmio.
Os grandes nomes da História gloriosa do Grêmio estão se remexendo no caixão com tamanha insensatez e irresponsabilidade.

Anônimo disse...

E quase 2500 disseram sim. A diferença foi de cerca de 450 votos. Nada que não legitime qualquer uma das candidaturas.

Não se está discutindo o resultado da eleição, e sim a postura de parte dos integrantes das chapas.

Quem fez o panfleto sabia muito bem em que lado Obino estava, e de proposito colocou ele no outro lado, tentando induzir o eleitor ao erro.

Gerson Macedo disse...

O mínimo que se espera é a saída de todos os que atacaram os velhos, os experientes, os cardeais, os sócios conscientes do que é certo para o Grêmio.
Se o Antonini ficar no Grêmio, sinceramente pessoal, eu não entendo mais nada.
Aí quem vai largar tudo de mão sou eu. Paro de pagar o Grêmio.

heliopaz disse...

Amigos,

Se o MGN realmente falou hoje que é oposição (mas a quem? A Duda ou a Odone?!), então tende a ocorrer aquilo que eu havia dito outro dia ou, seja: que há duas opções para o MGN e para o MGI.

A primeira seria manterem-se como independentes sem alianças incoerentes e sem quebra de palavra, a fim de obterem livre trânsito e maior respeitabilidade.

A segunda pressupõe um modo de pensar a gestão do clube e um modo de fazer política vinculados a grupos que possum o filme queimado por terem o interesse em usar o clube como trampolim e por mascararem a sua parcela de (ir)responsabilidade sobre questões MUITO sérias, que beiram a autocracia.

Como já falei antes, creio que gremistas ilustres como Adalberto Preis, Saul Berdichevsky e o próprio Antônio Vicente Martins ainda terão a honra de serem eleitos presidentes do GRÊMIO.

Porém, apesar da intenção de AVM, a parceria queimou o filme da sua candidatura.

Vocês concordam com essa minha linha de raciocínio?

[]'s,
Hélio

Sancho disse...

E qual o problema de ser oposição?! Isso absolutamente quer dizer que os opositores estejam contra CLUBE. Confesso que esse estilo "PT" (comigo ou "contra"migo) de fazer política não me agrada, mas se for pensando o bem do clube, e não mera busca de poder, toda oposição é bem-vinda.

Sobre o eleitor, eu votara na chapa da qual o Grêmio Novo fazia parte na eleição para o Conselho e, agora, mudei. Incoerência? Não creio. Ainda acho que votei na melhor opção em ambos os casos.

eduardo bernardon disse...

Hélio Paz, está no site deles a declaração em que se colocam na oposição.
Transcrevo o parágrafo:

"Aqueles que nos apoiaram e marcaram presença nas urnas no dia 18 de outubro poderão ter a certeza de que seremos uma oposição consciente no biênio 2009-2010. No entanto, fiscalizaremos o cumprimento das metas estabelecidas como propostas de governo pelos eleitos. O Grêmio não pode mais retroceder nos avanços conquistados pela gestão Odone, com o apoio do MGN, sob pena de novamente soçobrar perante os desafios existentes no mercado e no futebol."

Pronto. Eles são oposição!!!

blackao disse...

Eu fiz como o Sancho e também não me arrependo.

Em 2004, quando o MGN conseguiu pôr 6 conselheiros e 3 suplentes além do Antonini (se não me engano), eles estavam com praticamente todas as mesmas forças que hoje formam o G6 pró-Duda.

Em 2005, pessoalmente, considerei oportuno votar em Odone apesar da confusão que foi participar de um movimento que mudou de lado de maneira inesperada. Julguei que, para a Série B, infelizmente, não daria certo um presidente fidalgo, pois o momento exigia uma patrola não para fora mas, sim, para dentro do clube.

De lá para cá, não concordei com a condução do Projeto Arena nem com as bravatas ou com a autocracia de Pelaipe e Odone.

Além disso, há três gremistas ilustres que merecem que eu os acompanhe em função de seu caráter e da qualidade do serviço que já prestaram ao clube: HÉLIO DOURADO, FÁBIO KOFF e RENATO MOREIRA.

Esses, quando mudam de lado, jamais o fazem por incoerência ou por oportunismo mas, sim, porque têm experiência suficiente para avaliar que, por pior que seja um determinado conjunto de forças políticas, se há a necessidade de apoiá-lo é porque o outro lado oferece uma alternativa muito perigosa para o futuro do GRÊMIO.

[]'s,
Hélio

Maria disse...

Prefiro entender que as manifestações,panfletos e assemelhados eletrônicos,se devem à pouca cultura de democracia ou ao conservadorismo ou também ao excesso de melindres dos que foram para linha de frente debater.

Não acho que o conservadorismo seja um atributo totalmente ruim.o problema é quando a dose de conservadorismo é alta demais. O mesmo vale para o democratismo.

Genivaldo disse...

Eles não têm jeito mesmo. Continuam falando em conquistas da gestão Odone. Que conquistas?
Essas pelas quais eles enchem a boca aconteceram pelo Conselho antes da gestão Odone.
Tenho a certeza de que alguém, agora com os arquivos oficiais, vai esclarecer ponto por ponto evidenciando as mentiras deles.

Grêmio Imortal disse...

Hélio:
Bem-vindo. Puxa vida! Comentar duas vezes no mesmo post é uma grande honra para nós.
Acho que está se confirmando a tua previsão. Embora de forma muito inicial, ainda, se cria uma rede de informações e debates entre gremistas que nem se conhecem. Pelo menos não necessariamente.Esse debate vem sendo útil a todos.
Tenho admirado muito as tuas análises.
Volta sempre!

Anônimo disse...

Recebi por e-mail e julguei importante divulgar por aqui:

Gremista:

O Correio do Povo de hoje, 22/10/2008, apresneta uma matéria falando sobre a possibilidade de Porto Alegre ter doia estádios sediando os jogos da Copa do Mundo de 2014.

Até aí, tudo bem. É um sonho legítimo.

Mas o que me chamou mesmo a atenção é a informação passada pelo futuro ex-vice-presidente gremista responsável pelo Projeto Arena, comentando que a não inclusão do citado projeto no caderno de encargos do Comitê RS, representaria um acréscimo de 20% nos custos da obra.

Importante ressaltar que as obras relacionadas com a Copa terão a isenção de 20% do ICMS. Sinceramente, não entendi esse cálculo simplista do ICMS...Assim como eu, outros gremistas estão discordando desse cálculo.

E o mais estranho é que novas informações vão surgindo a cada dia, na tentativa de forçar uma aprovação de forma imediata da criação da Grêmio Empreendimentos e da assinatura dos contratos.

Vamos com calma com isso.
Se esse projeto vem sendo tratado durante os últimos 3 anos, qual o verdadeiro motivo dessa preocupação em aprovar tudo até o final do ano???

Copa do Mundo??? Fala sério...

Pois bem. Muito se tem falando do valor das obras de todo o complexo Arena, valor disso, valor daquilo, mas até o presente momento eu não li nada e nem ouvi ninguém falar de uma possível avaliação da área onde está localizado o Olímpico Monumental, bem como do Ginásio e do Posto de Gasolina (sim, o terreno do posto É do Grêmio).

Afinal, quanto vale o nosso patrimônio??? E eu digo nosso, pois sou sócio patrimonial, assim como outros milhares de sócios do nosso Imortal Tricolor.

E outra questão:
- Hoje eu tenho um patrimônio.
- Amanhã esse patrimônio será entregue para a OAS. Não tenho mais o patrimônio. A área do Olímpico será da OAS.
- A nova Arena, POR 20 ANOS, será da OAS.
- Vou ser ressarcido por passar 20 ANOS SEM PATRIMÔNIO???

Se alguém puder responder, agradecerei.
Saudações tricolores,

Eduardo Bernardon
Sócio Patrimonial - Um dos milhares de DONOS do Grêmio

Tricolor:

Uma torcedora do nosso Imortal Tricolor escreveu hoje, a cerca da Arena:

"Lembram dos portugueses, li aqui diversos artigos que indicavam problemas, mas eles diziam 'não tem nada, são bons', trouxeram os caras aqui, deram coletiva e aí...foi tudo para o beleleu.

Quanta ingenuidade meu Deus. Agora vem a pressão por causa de POA ser sede ou não da copa. Que se dane a copa do mundo, para ter um jogo entre Equador e Iraque.

Se é para fazer a Arena é para os gremistas, não para a CBF, que alías tem sempre prejudicado o Grêmio.
Lembram Paulo nunes na libertadores, convocado por Zagalo?

Agora o STJD nos tirando o Theco, e punindo descaradamente os outros três jogadores.

Então gremistas sérios e que pensam o Grêmio do futuro, não caiam em papo furado e em quem nunca falou sério com a torcida."

Complementando, eu pergunto:
A tal Arena é pro Grêmio ou pra CBF/FIFA???

E mais, quem leu a matéria no nosso Correio do Povo de hoje, 22/10/2008, viu que já estão trabalhando com a possibilidade de a tal Arena ser usada para "treinos ou estrutura à disposição de uma pré-temporada para alguma seleção".

MAS QUE BARBARIDADE!!! ARENA PARA TREINO OU PRÉ-TEMPORADA DE ALGUMA SELEÇÃO???

Então a pressa toda é pra seleção da Costa Rica treinar??? Pra seleção da Zâmbia realizar pré-temporada???

Assim é demais!!!

Eles estão brincando com a seriedade dos torcedores e associados do nosso Grêmio.

Saudações tricolores,

Eduardo Bernardon,
Sócio Patrimonial - Um dos milhares de DONOS do Grêmio.

Sancho disse...

Bernardon, pelo pouco que sei, a impressão que eu tenho é que o Grêmio entra no negócio com o terreno da Azenha, mais 35% da arrecadação total do novo empreendimento, incluindo-se a receita do quadro social por 20 anos; a OAS entra com a construção do estádio e do complexo, mais o risco do financiamento. Ainda, se as informações que circulam estam corretas, a transferência de propriedade só se dará após a conclusão do estádio no Humaitá. O Grêmio só saíria da Azenha quando a nova casa estiver pronta para uso.

GRÊMIO FORÇA & HONRA disse...

Galera, coloquei um link do blog de vocês no nosso, o Grêmio Sempre Imortal - www.gfbpa.wordpress.com

E estamos com uma enquete para saber se o Antonini deve ficar ou não na Grêmio Empreendimentos.

Dá-lhe, Duda.

patrícia ulser 100% gremista disse...

Galera, leiam o que uma viúva escreveu no site noviço:

24/10/2008 16:12:00
Glenio


Caríssimos Me permitam uma pequena divagação. No meu ambiente de trabalho, tenho mantido contato com alguns integrantes e conselheiros da chapa vencedora. É incrível a virulência, o deboche e a ironia com que tratam o movimento Grêmio Novo e seus integrantes. A idéia do novo e da mudança causam calafrios nesta gente que vislumbra o fim dos seus dias com as próximas eleições para renovação do conselho. Na última se salvaram por 9 votos e na próxima? Quem os salvará de tanta petulância? Estou, com demais companheiros, com uma petição on line pela arena e nela solicitamos a permanência do Antonini, porém a cada dia que passa e pela verve que destila de tanto ódio, tenho menos esperanças de que isso venha acontecer. Pelo próprio Antonini, que merece toda a minha admiração por sua devoção, dedicação, sacrifício pelo Grêmio, não consigo mais imaginar uma composição com essa gente. Pelo teu bem, Antonini, fique conosco e não se misture com o atraso....sim, eu sei que o Grêmio perde com isso, mas este destino foi decretado pelo cabresto de quem só aparece de dois em dois anos no clube para exercer influência tão somente. Fique conosco e construa uma oposição séria e vigilante. Bem bem do Grêmio, fique conosco.