sexta-feira, março 28, 2008

A Arena será construída no Humaitá


O Conselho Deliberativo do Grêmio decidiu, na noite ontem, optar pelo projeto do consórcio liderado pela TBZ/OAS para construir a Arena Gremista no bairro Humaitá.

Pelo prazo de 90 dias serão negociadas as cláusulas de um contrato preliminar estabelecendo as condições da construção. Após o tema voltará ao Conselho Deliberativo para aprovação e, então, a assinatura do contrato definitivo e início das obras depois da aprovação do projeto.

2 comentários:

Maria disse...

CONHECENDO OS PARTICIPANTES DO CONSÓRCIO QUE CONSTRUIRÁ A ARENA

1-BANCO EFISA S.A.- O Banco EFISA é integrante do grupo BPN com aporte de capitais de Moçambique.Atualmente. é uma instituição financeira,que está sendo investigada pelas autoridades portuguesas do setor bancário.
Atividades investigadas - lavagem de dinheiro,fraudes fiscais,adulteração de resultados,emissão de faturas falsas,entre outras atividades.Além disso,têm suas atividades com off shores sendo rastreada pelo Banco Central de Portugal.
Principal executivo - Abdool Karim Vakil que fez carreira em instiuições públicas e privadas de Moçambique.
Fonte:peródico Público.PT,reportagem do jornalista José Manuel Rocha em 20/02/2008-horário 09h07min.

Maria disse...

2-CONHECENDO OS PARTICIPANTES DO CONSÓRCIO QUE VAI CONSTRUIR A ARENA

1-SOCIEDADE LUSA DE NEGÓCIOS(SLN)-controla o Banco Português de Negócios(BPN) e sub-holdings.O fundador do banco José Manuel Dias,abandonou o banco,alegando problemas de saúde,quando a justiça portuguesa pediu-lhe a identidade de seus acionistas.O BPN assinou um contrato em Cabo Verde e a instituição contratante delegou ao BPN um conjunto de competências de natureza patrimonial,urbanística,financeira e realizar acordos com investidores.O contrato de gestão previa cláusula de remuneração,em favor da SLN.Além disso,uma empresa fantasma entrou em cena. O contrato está sob revisão.Os casos envolvendo o BNP são tantos, que a imprensa está chamando de BNGATES.
Fonte:Jornal Liberal versão online.